Site Autárquico - Câmara Municipal de Faro

Ir para conteúdo

Palacete Belmarço

Monumento de Interesse Público -

 

Ocupa o gaveto do Largo D. Marcelino Franco e das Ruas de São Francisco e José Maria Brandeiro.

O edifício apresenta 2 pisos, exceto no torreão da esquina onde se contam 3.

Foi mandado construir pelo abastado comerciante Manuel de Jesus Belmarço, para sua habitação.

O projeto foi feito pelo arquiteto Manuel Joaquim Norte Júnior em Lisboa, em 1912, constituindo uma interessante manifestação da Arquitetura Revivalista.

No interior, merecem uma referência especial dois painéis de azulejos, datados de 1916 e assinados por Pinto, representando diversos trechos: a Torre de Belém, o Porto de S. João do Estoril, o Castelo da pena, etc.

Aqui esteve instalado o tribunal de trabalho de Faro.

In Lameira, Francisco I. C. ;Faro Edificações Notáveis, Câmara Municipal de Faro, 2º Edição 1997

  

Ficha Técnica 

Classificação

Monumento de Interesse Público

Encomenda

Manuel de Jesus Belmarço

Autor/es

Manuel Joaquim Norte Júnior, arquiteto; Pinto, pintor de azulejos

Data de construção/reconstrução/outras intervenções

Séc. XX e XXI

Tipologia

Arquitetura civil revivalista. Planta retangular com dois pisos e um torreão

Particularidades

Fachada parcialmente revestida de cantaria. Diversidade das molduras dos vãos, trabalhos em massa, cunhais e ornatos. No interior, painéis de azulejos representando a Torre de Belém, o Porto de S. João do Estoril e Castelo da Pena

 

Morada:
Rua de São Francisco
8000-428 Faro
37º0'51.08''N 7º55'58.48''W