Site Autárquico - Câmara Municipal de Faro

Ir para conteúdo

Destaque

Imagem Feira de Santa Iria 2021
Feira de Santa Iria 2021 13 De outubro De 2021
Largo de São Francisco- 15 a 24 outubro    
Imagem Eleição dos órgãos das autarquias locais
Eleição dos órgãos das autarquias locais 06 De outubro De 2021
Consulte AQUI o edital respeitante ao apuramento geral da eleição dos órgãos das autarquias locais.  
Imagem Algarve Music Series
Algarve Music Series 01 De outubro De 2021
Dias 14 /15/16/21/22 outubro Vários locais   Consulte AQUI o programa do evento   Mais informações disponíveis AQUI
Imagem Agenda de eventos outubro 2021
Agenda de eventos outubro 2021 20 De setembro De 2021
A agenda de eventos do mês de outubro encontra-se disponível AQUI

Notícias

Imagem Município continua a investir na freguesia de Montenegro

Município continua a investir na freguesia de Montenegro

18 De outubro De 2021
O Município continua a implementar várias intervenções estruturantes na freguesia de Montenegro. Depois da empreitada de requalificação da Rua Bento de Jesus Caraça e rotunda, cuja obra, no valor global de 506.978,81 euros, está prestes a terminar, o Município de Faro adjudicou igualmente a requalificação da Rua Egas Moniz, que liga o Largo do Povo ao Aeroporto. Esta empreitada, com o valor de 880.570,99 euros e consignada esta segunda-feira, dia 18 de outubro, está igualmente a cargo da empresa local José de Sousa Barra & Filhos e tem um prazo de execução de 270 dias.Estas duas intervenções de requalificação, que incidem sobre as duas artérias fulcrais da zona central de Montenegro, pretendem introduzir melhoramentos a nível estético e funcional, privilegiando os peões e as condições de acessibilidade, disciplinando o estacionamento e melhorando as condições de circulação viária e pedonal. Também nesta freguesia, o Município de Faro prepara-se para consignar as empreitadas da construção do jardim de Montebranco, em Gambelas, da repavimentação da EM 527-1 e Estrada da Arábia e ainda da repavimentação de arruamentos na Quinta do Eucalipto – zona sul. A obra de construção do jardim, adjudicada à empresa Vitor Manuel e Pedro. Lda., tem um valor global de 355.164,82 euros e um prazo de execução de 240 dias, enquanto a obra de repavimentação da EM 527-1 e Estrada da Arábia, a cargo da empresa J. J. Brito, Lda. e com um custo de 114.283,90 euros, tem um prazo de execução de 60 dias. Já a repavimentação de vários arruamentos na Quinta do Eucalipto - uma intervenção que visa devolver as condições ideais para a circulação, bem como aumentar o conforto e segurança de automobilistas e peões - implica um investimento municipal de 103.040,85 euros.Simultaneamente, o Município de Faro prepara-se ainda adjudicar a obra de repavimentação da Rua do Parque Infantil, em Montenegro, por um valor global de 136.567,54 euros.Rogério Bacalhau, presidente da Câmara Municipal de Faro, congratula-se com um conjunto de “intervenções que vão ter um impacto profundo para o desenvolvimento futuro desta freguesia, tão importante para o concelho, e para a qualidade de vida dos nossos munícipes”.  
Imagem Exposição celebra centenário do arquiteto Manuel Gomes da Costa

Exposição celebra centenário do arquiteto Manuel Gomes da Costa

14 De outubro De 2021
mgc100 – Moderno ao Sul 100 anos de Manuel Gomes da Costa Sala de Atos do Cabido da Sé de Faro 14 out – 15 nov 2021 A inauguração terá lugar hoje pelas 18h30. Com a reposição do evento de 2009 - a exposição mgc100 – Moderno ao Sul - criada com o intuito de, ainda em vida, celebrar a carreira do arquiteto Manuel Gomes da Costa e dar a conhecer, através de 40 obras, a progressão e abrangência da ação profissional do arquiteto no Algarve, celebramos o centenário do nascimento do arquiteto Manuel Gomes da Costa (1921-2016), 12 anos após a sua inauguração no Museu Municipal de Faro. O objetivo era claro: integrar a obra na memória coletiva dos algarvios de forma a que, através do seu conhecimento, a população atuasse como vigilante deste património “novo”, agora reconhecido e em grande perigo de transformação e que, por desconhecimento, arriscaria (e arrisca) uma crescente degradação e desaparição gradual, como aconteceu muitas vezes até aqui. Em simultâneo e em lenta, mas firme progressão, o nome de Gomes da Costa e alguns dos seus colegas contemporâneos, como Manuel Laginha e Vicente Castro, foram catapultados para a riquíssima esfera do Moderno Português, à medida que muitas teses, estudos, artigos e livros foram sendo desenvolvidos por estudantes, arquitetos e historiadores de arquitetura em muitas Universidades de Portugal e Espanha. Muitas ações de divulgação e proteção deste património foram desenvolvidas entretanto, como são os recentes exemplos da recriação de casas modernistas de Faro para o ambiente do jogo Minecraft pelos alunos das escolas do concelho, através do projeto MI.MOMO.FARO – Minecraft e a Arquitetura Modernista em Faro, ou a classificação de interesse Municipal do Eixo de ligação entre o mercado e a Escola Secundária João de Deus, que define regras restritas de intervenção em edifícios Modernos, numa sucessão contínua de ruas e bairros da cidade, constituindo, até agora, algo de raro no país. Repor a exposição mgc100 Moderno ao Sul é uma celebração da arquitetura, da vida e obra do arquiteto Manuel Gomes da Costa e tudo o que aconteceu ao longo destes últimos 12 anos. Graças aos esforços da Câmara Municipal de Faro e, então, em 2009, do Museu Municipal de Faro, foi e é possível, em simultâneo, fazer um ponto de situação e um pontapé de saída relativamente a uma série de ações que serão desenvolvidas num futuro próximo e que farão com que Faro se afirme como uma importante Capital do Moderno Português. Sinopse da vida e obra de MGC: Foi no ano de 1953 que o Arquiteto Manuel Gomes da Costa chegou ao Algarve com uma bagagem fresca de novos valores linguísticos e uma nova arquitetura que rompia com os padrões do tempo do regime. Ao longo de mais de cinco décadas de trabalho árduo, perseverante e solitário, MGC projetou e construiu centenas de obras, que, para além do programa habitacional mais corrente, teve também muita expressão no âmbito do equipamento público, dentre os quais se destacam, entre outros, a Creche de Aljezur, a Colónia de Férias de Alcantarilha, o Colégio da Nossa Senhora do Alto em Faro, a Capela de Santa Luzia ou a Cooperativa Agrícola de Santa Catarina da Fonte do Bispo. Fácil de reconhecer, o “estilo” Gomes da Costa evoluiu ao longo do tempo. De uma linguagem próxima da “Escola do Porto” e dos mestres Brasileiros como Oscar Niemeyer, Affonso Eduardo Reidy ou Vilanova Artigas (nos anos 50 e 60), para um estilo cada vez mais pessoal e livre no fim da sua carreira como arquiteto (2002). Em qualquer dos casos, MGC procurou uma arquitetura informada que refletisse com responsabilidade os valores do seu tempo; “leve, solta, democrática, humana, adaptada ao lugar e ao clima”, ao serviço e ao alcance do maior número de pessoas. Personagem singular, foi talvez o maior representante da Geração Moderna no Algarve pela excecional qualidade e quantidade de trabalho. A persistência e coerência do trabalho de MGC desde o princípio da sua carreira, representam esse “espírito de missão”, de equipar a sociedade para o futuro com os meios técnicos e linguísticos da sua época. Grande parte destes edifícios do Período Moderno e da sua autoria, são importantes testemunhos formais da realidade do séc. XX em Faro e no Algarve. Património único e irrepetível, é possível, através dele, estabelecer novas conjunturas, revendo-se a continuidade da História através da análise do acontecimento individual Exposição patente: de 14 de outubro a 15 de novembroHorário:De segunda a sexta-feira: das 10h00 às 18h00;Sábado: 10h00 às 12h30;Domingo - encerradoEntrada livre
Imagem Piscinas Municipais e projeto sénior ativo retomam atividades

Piscinas Municipais e projeto sénior ativo retomam atividades

14 De outubro De 2021
O Município de Faro informa que, na sequência da evolução favorável da situação epidemiológica e da entrada na última fase do plano de levantamento das restrições, as Piscinas Municipais e o projeto Sénior Ativo, até aqui com funcionamento suspenso, vão retomar as suas atividades na próxima segunda-feira, dia 18 de outubro.Nas Piscinas Municipais, será retomada a possibilidade de utilização em regime livre e o projeto de atividades aquáticas (em que estão incluídas as atividades de aquajogging, hidroginástica, hidroterapia e hidrográvidas), bem como as escolas de natação, promovida, tal como já aconteceu no último ano desportivo, pelos dois clubes com atividade regular na modalidade, Ginásio Clube Naval de Faro e Clube de Natação de Faro. Apesar das obras realizadas nos serviços complementares das Piscinas (sauna, banho turco e jacuzzi), com a colocação de equipamentos novos, estes serviços, propensos à libertação de aerossóis, permanecerão para já encerrados, reabrindo assim que a situação pandémica o permitir.Também o projeto Sénior Ativo - que visa sensibilizar para a importância e benefícios da prática da atividade física de forma a promover hábitos de vida ativa e estava igualmente suspenso devido à situação pandémica - vai retomar o seu funcionamento, disponibilizando atividades de ginásio em meio urbano e rural (ginástica, pilates, yoga, taichi, danças, entre outras), bem como hidroginástica, a realizar nas Piscinas Municipais.Na sequência da retoma destes serviços, todos os utilizadores inscritos aquando do encerramento forçado destas instalações, em março de 2020, por motivos de controlo da propagação da pandemia, serão contactados para verificação da intenção de manutenção da inscrição e regularização dos procedimentos necessários para a participação nestas atividades. Para mais informações e, eventualmente, realizar novas inscrições, os interessados deverão dirigir-se, presencialmente, aos serviços de receção da Piscina Municipal, ou obter informação através do contacto telefónico 280 870 030 e do endereço de e-mail piscinasmunicipais@cm-faro.pt.    
Calendário

Faro, Evoluímos Consigo

Use #faro nas suas fotografias para as ver no nosso feed