Site Autárquico - Câmara Municipal de Faro

Ir para conteúdo

Outros apoios ao setor cultural e criativo

Cientes do papel da Cultura, o Governo e uma série de entidades públicas, privadas, associativas ou de iniciativa espontânea, tem vindo a lançaram um conjunto de programas de apoio a setor cultural e criativo.

 

Aqui procuramos sintetizar um conjunto de apoios, medidas e ações às quais os artistas e as estruturas do setor cultural e criativo podem recorrer.

 

Apesar de não termos alertas regulares sobre estas iniciativas ou outras, vamos procurar manter esta informação atualizada. Se conhece outros apoios, medidas e acções que não estejam aqui apresentadas pedimos-lhe que nos informe das mesmas através do e-mail: cultura@cm-faro.pt

 

# Para consulta das medidas extraordinárias tomadas pelo Governo consultar:

https://www.culturacovid19.gov.pt/

# Para mais esclarecimentos relativos a essas medidas contactar:

CULTURA.COVID19@MC.GOV.PT 

 

Data de atualização: 02/02/2021

  • Aveiro Urban Challenges

    Estão oficialmente abertas as candidaturas para a segunda edição dos Aveiro Urban Challenges e dos Aveiro 5G Challenges
    Destinado a startups, scaleups e instituições de I&D, a 2ª edição do Aveiro Urban Challenges pretende premiar as melhores ideias e soluções destinadas à resolução de desafios urbanos lançados pelas várias unidades de trabalho da autarquia.
    Organizado em parceria com a Beta-i, empresa de referência em programas de aceleração e mentoria, a Câmara Municipal de Aveiro irá escolher os cinco finalistas que, para além de passarem por uma fase de desenvolvimento e testes, também terão acesso a workshops de capacitação, a uma rede de mentores, disponíveis para dar apoio aos projetos no decorrer de todo o programa e a uma quantia de 20.000 euros para o desenvolvimento da solução.
    Este ano, os candidatos selecionados têm pela frente, os seguintes desafios:
    1. Gestão Inteligente de Utentes e Visitantes: Solução tecnológica vocacionada para a gestão de público em eventos e espaços culturais (interior ou exterior), sob mentoria da Divisão de Cultura e Turismo, do Teatro Aveirense e dos Museus e Património Cultural;
    2. Guia Turístico Inclusivo: um complemento na promoção da cidade, através da disponibilização de forma inovadora e integrada de informação turística (alojamento, restauração, animação, etc), venda de bilhetes online, experiências 360º, entre outros serviços. Sob mentoria da Divisão de Cultura e Turismo;
    3. Gestão de Cheias: Solução que vise o controle e manutenção do nível dos canais urbanos de Aveiro em articulação com variáveis do nível das águas exteriores e interiores, precipitação e vento – sob mentoria da Divisão de Mobilidade e Transportes e do Departamento de Ambiente e Ordenamento da Universidade de Aveiro;
    4. Edge Computing para mobilidade urbana sobre sensores LIDAR: Desenvolvimento de uma solução de Edge Computing para análise e processamento de dados através da deteção via LIDAR de veículos e pessoas no espaço público de forma a evitar congestionamento de trânsito, diminuir a sinistralidade, entre outros, sob mentoria da Divisão de Mobilidade e Transportes da Câmara Municipal de Aveiro e do Instituto de Telecomunicações;
    5. Desafio Aveiro candidata a Capital Europeia da Cultura 2027: Desenvolvimento de plataforma de mapeamento, mediação, comunicação e criação cultural, entre as Indústrias Culturais e Criativas da Região de Aveiro, sob mentoria da equipa da ECoC2027.


    CANDIDATURAS: Até 14 de março de 2021


    MAIS INFORMAÇÃO: https://www.aveirotechcity.pt/pt/atividades/aveiro-urban-challenges

  • Programa de Apoio a Showcases Internacionais GDA

    Estão abertas as candidaturas ao Programa de Apoio a Showcases Internacionais da Fundação GDA.
    Este programa visa apoiar a apresentação dos artistas portugueses no circuito de Festivais de Showcase Internacionais, "através da conceção de apoios que visam comparticipar nas despesas com essas apresentações ou pela apresentação por via digital dos Artistas/Músicos convidados para esses eventos internacionais".
    A Fundação GDA orçamentou para o ano de 2021 um montante de €60.000. Em apresentações de natureza presencial, o montante máximo a atribuir por projeto é de €4.000 e o mínimo de €750. No caso de apresentações por via digital, o montante a atribuir por cada projeto, varia entre os €750 e os €2.500.

    CANDIDATURAS: Até à realização total do orçamento previsto


    MAIS INFORMAÇÃO: https://www.fundacaogda.pt/programa-de-apoio-a-showcases-internacionais-2021-com-candidaturas-abertas-a-partir-de-hoje/?fbclid=IwAR2gkDVnTEv2Zq5vBHsw1PdQk9_GFceFjubnLwfd7D1R8ojGCdm2ymuWYZU

  • Jornadas de Artes de Marionetas de Cartago 2021

    O Comité Organizador das Jornadas de Artes de Marionetas de Cartago, Tunísia, convida as companhias de teatro de marionetas portuguesas, a participar na 3.ª edição deste evento, que decorre de 19 e 26 de março de 2021, na cidade de Tunis. O Comité procederá à respetiva seleção e assegurará o alojamento e transporte interno da companhia, ficando as despesas relacionadas com o transporte internacional a cargo dos participantes.
    As JAMC são um Festival dedicado à Arte das Marionetas e organizado pelo Centro Nacional de Arte de Marionetas da cidade da cultura de Tunis. A primeira edição ocorreu em setembro de 2018. O objetivo das JAMC é promover a arte cénica das marionetas e proporcionar ao público local a oportunidade de conhecer artistas internacionais e aprender com eles.

     


    MAIS INFORMAÇÃO: http://jamc.centremarionnette.tn/

  • Apoios Sustentados: apresentação dos planos de atividade e orçamento 2021- DGArtes

    Tendo em presença o atual e difícil contexto pandémico que, com particular destaque, tem afetado o normal desenvolvimento de atividades na área da Cultura, a DGARTES, no âmbito da validação dos planos de atividade e orçamento para 2021 das entidades beneficiárias de apoio sustentado às artes, vem informar o seguinte:
    1. O prazo para a apresentação dos planos de atividade e orçamentos relativos ao próximo ano é prorrogado até 31 de janeiro de 2021.
    2. Este prazo pode ser alterado, mediante justificação das situações concretas apresentada pelas entidades.
    3. O início da transferência do apoio financeiro em 2021 depende da validação, pela DGARTES e pela Comissão de Avaliação, do plano de atividade e orçamento de cada entidade.
    4. Na análise da previsão orçamental para 2021, para efeito de comprovação de receitas provenientes de acordos de coprodução, patrocínios, mecenato e outros apoios e financiamentos, a DGARTES considera como válida a mera declaração de intenções, pela entidade apoiante, em qualquer suporte documental, incluindo o digital.
    5. De igual modo, na verificação dos valores percentuais do financiamento da DGARTES nos diferentes requisitos de acesso ao apoio previstos nos Avisos de Abertura de cada concurso, os serviços irão ter uma abordagem flexível por forma a não inviabilizar a implementação dos planos de atividades.
    6. Sendo certo que vivemos tempos extraordinários com claras repercussões sobre a calendarização das atividades artísticas, são aceites reagendamentos de atividades até ao final do 1.º semestre de 2022. Por força do princípio geral de não cumulação de apoios atualmente em vigor no modelo de apoio às artes, essas atividades não podem vir a integrar projetos ou planos de candidaturas a novos programas de apoio às artes.

     


    MAIS INFORMAÇÃO: https://www.dgartes.gov.pt/pt

  • Programa APOIAR.PT: Apoios para micro e pequenas empresas

    As inscrições no Programa Apoiar.PT, para registo de empresas ou organizações no Balcão Portugal 2020, já estão a decorrer. A iniciativa é dirigida a micro e pequenas empresas dos setores mais afetados pela pandemia COVID-19, incluindo atividades da Cultura.


    Este Programa, com uma dotação de 750 milhões de euros, prevê apoiar a tesouraria das empresas com quebras de faturação através da atribuição de subsídios a fundo perdido.
    Poderão requerer apoio Micro e pequenas empresas com quebras de faturação que atuem nos setores afetados pelas medidas excecionais de mitigação da crise sanitária nomeadamente:
    i. Comércio e serviços abertos ao Consumidor com encerramento decretado em março de 2020;
    ii. Atividades da cultura;
    iii. Alojamento;
    iv. Restauração.

     


    MAIS INFORMAÇÃO: https://www.portugal2020.pt/content/apoiarpt-antecipe-o-1o-passo-da-candidatura-registando-se-no-balcao-2020-saiba-como-0

  • Programa EP COLAB 2020 AECID, Embaixada de Espanha em Portugal e Gerador

    A AECID - Agência Espanhola de Cooperação Internacional para o Desenvolvimento, a Embaixada de Espanha em Portugal e o Gerador apresentam o programa EP COLAB 2020.
    O EP COLAB 2020 pretende ser um laboratório de ideias para criadores portugueses e espanhóis, aproveitando o potencial das plataformas digitais, para multiplicar e enriquecer a criação de redes, a co-produção e colaboração entre os criadores de Espanha e Portugal.
    O EP COLAB 2020 está inserido no "Programa VENTANA - Uma janela para a cultura espanhola”, da AECID, que pretende promover a internacionalização de criadores, instituições, festivais e indústria cultural espanhola através de conteúdos digitais.

     


    MAIS INFORMAÇÃO: https://gerador.eu/gerador-aecid-e-embaixada-de-espanha-em-portugal-lancam-programa-para-artistas-portugueses-e-espanhois/

  • Plataforma Dança

    Os profissionais e instituições da dança, de todo o país, podem, a partir de agora, associar-se à PlataformaDança – Associação Nacional de Dança. A entidade reúne bailarinos, professores, escolas e companhias.
    A ação da PlataformaDança destacou-se, no início deste ano, quando promoveu uma petição com 6.103 assinaturas, entregue na Assembleia da República, pedindo a definição de regras específicas na reabertura da atividade das cerca de 300 escolas de dança do país, face à pandemia.

     


    MAIS INFORMAÇÃO: https://www.facebook.com/plataformadanca/

  • Fundo de Solidariedade com a Cultura

    O Fundo de Solidariedade com a Cultura resulta de uma parceria entre a Santa Casa da Misericórdia de Lisboa (SCML), a GDA — Gestão dos Direitos dos Artistas, a Audiogest (Entidade de Gestão de Direitos dos Produtores Fonográficos em Portugal) e a GEDIPE.
    A iniciativa tem como objetivo apoiar financeiramente empresas e profissionais da cultura, cuja subsistência possa estar em causa, devido à paralisação do setor e consequente perda de rendimentos provocada pela Covid-19, procurando chegar a todos os agentes que compõem o meio cultural, incluindo aqueles que por vezes são negligenciados pelos programas de apoio à cultura convencionais.
    Este fundo, composto por cinco linhas de apoio distintas, é complementar aos apoios atribuídos a profissionais do setor cultural, através da linha 1 do Programa de Estabilização Económica e Social do Governo (Dinamização económica do emprego/Cultura: Linha de apoio social adicional aos artistas, autores, técnicos e outros profissionais da cultura), dando prioridade àqueles que não tiveram ainda acesso a qualquer tipo de apoio.
    As cinco linhas de apoio abrangem áreas diferentes e cada interessado poderá candidatar-se apenas a uma delas.

     


    CANDIDATURAS: Os prazos de candidatura serão divulgados brevemente, fique atento ao website da iniciativa.


    MAIS INFORMAÇÃO: https://www.solidariedadecultura.pt/index.php

  • Apoios excecionais aos programas de apoio 2021- ICA- Instituto do Cinema e do Audiovisual

    No âmbito do Programa de Estabilização Económica e Social (PEES), foi aprovado um novo conjunto de apoios excecionais, com um montante de 8,5M€, que visam reforçar os programas de apoio financeiro 2020 do ICA.
    A aplicação do referido montante tem como objetivo "apoiar a retoma e manutenção das atividades das entidades do setor e o seu regular funcionamento, tendo em conta os prejuízos decorrentes da suspensão total ou parcial de atividade no contexto da pandemia COVID-19, maximizando o financiamento ao setor do cinema e do audiovisual em toda a cadeia de produção".
    Este apoio excecional vem "reforçar os programas previstos na Declaração Anual de Prioridades 2020, bem como criar linhas adicionais para o financiamento dos projetos já apoiados à produção e com cronogramas a incidir entre março de 2020 e março de 2021 e dos festivais apoiados pelo ICA cujas edições de 2020 foram canceladas ou reagendadas, e ainda pelo reforço do Plano Nacional de Cinema".

     


    MAIS INFORMAÇÃO: https://www.ica-ip.pt/pt/comunicados/apoios-excecionais-aos-programas-de-apoio-2020/

     

  • Programa Operacional Portugal 2020

    O Programa Operacional Portugal 2020 abriu concursos, para apoiar Agentes Culturais, assim como municípios, entidades intermunicipais e organismos da Administração Pública, que estabeleçam parcerias para a implementação de uma Programação Cultural em Rede nas diversas Regiões.


    AVISO ALGARVE: Proteger o Ambiente e Promover a Eficiência dos Recursos – Conservação, Proteção, Promoção e Desenvolvimento do Património Cultural e Natural

    https://algarve2020.pt/info/sites/algarve2020.eu/files/avisos/alg-14-2020-15.pdf

     

  • Artist Support Pledge

    Atendendo ao atual cenário de pandemia, artista de todo o mundo ressentem-se com o clima de incerteza que afeta as suas condições de trabalho, assistindo ao encerramento de vendas e exposições. Nesse contexto lançou-se a iniciativa «Artist Support Pledge» com o objetivo de incentivar a continuidade da criação artística através de um movimento de entreajuda que apela a um exercício de generosidade entre a comunidade artística. Através do Instagram, propõe-se uma solução criativa que consiste no compromisso de os artistas publicarem imagens de obra suas que se encontrem à venda.

     

    MAIS INFORMAÇÃO: https://www.instagram.com/artistsupportpledge

  • Indiejúnior Allianz 2021

    Estão abertas as inscrições ao IndieJúnior Allianz 2021 que decorrerá, de 26 a 31 de janeiro de 2021, na cidade do Porto.

    O IndieJúnior Allianz é um festival de cinema destinado a crianças, jovens e todos aqueles que se interessam por este universo e temáticas, com programas segmentados para famílias e escolas.

     

    CANDIDATURAS: Até 12 de outubro de 2020.

     

    MAIS INFORMAÇÃO: http://www.indiejunior.com/queremos-ver-os-vossos-filmes-inscricoes-abertas-para-o-indiejunior-allianz-2021/

  • Linhas de Apoio Iberescena 2020/2021

    Encontram-se abertas as candidaturas às três Linhas de Apoio IBERESCENA 2020/2021, aprovadas na XXVIII Reunião do Conselho Intergovernamental do IBERESCENA, a saber:

    Os interessados deverão inscrever-se na plataforma digital disponível no site do IBERESCENA e preencher o formulário correspondente à Linha de Apoio pretendida, em português ou em espanhol.

    Na página web do Programa (www.iberescena.org) está disponível todo o material necessário para apresentação da candidatura: convocatória, guias de ajuda, perguntas frequentes, assim como os contatos de cada um dos Representantes dos Países Membros do Programa (REPPI) e da Unidade Técnica IBERESCENA. Além disso, através de nossas redes sociais oficiais, anunciaremos oportunamente futuras sessões informativas sobre a convocatória 2020/2021.

    De referir que a presente convocatória é sensível ao contexto pandémico que vivemos, tendo os parâmetros de apoio sido alvo da devida adaptação, assegurando, deste modo, a execução dos projetos para o decorrer do ano 2021.

     

    CANDIDATURAS: Até 15 de outubro de 2020.

     

    MAIS INFORMAÇÃO:

    https://www.facebook.com/iberescena.artesescenicasiberoamericanas/

  • Play it Safe – Gig Club e Omnichord Records

    É uma plataforma global para transmissão de concertos ao vivo e programas de rádio, criada em plena pandemia, pelo Gig Club, em parceria com a Omnichord Records, com o objetivo de incentivar os fãs de música a ficar em casa, reduzindo a propagação do vírus. Os artistas transmitirão concertos íntimos a partir das suas casas através da rádio online do Gig Club - em alguns casos, serão também transmitidos em vídeo nas redes sociais. O público é encorajado a fazer donativos aos artistas pelas suas performances ou a comprar a sua música. Os links de contribuição para cada programa serão divulgados no evento do Facebook e na agenda do website oficial. Não só apenas artistas, mas qualquer pessoa com um computador e conexão à Internet pode contribuir também, tornando-se um DJ de rádio que compartilha a música que está ouvindo em casa, diretamente do computador, podendo ser enviada uma lista de reprodução de 1 hora com a música pretendida e ser-lhe-á cedida 1 hora na estação online.

     

     

    MAIS INFORMAÇÃO: https://www.playitsafe.pt/

  • Linha de Apoio às Editoras e Livrarias – Ministério da Cultura

    Apoio financeiro que tem como contrapartida a entrega, a preço de venda ao público, de um conjunto de obras dos catálogos das editoras ou livrarias. Tem como objetivo fundamental apoiar as editoras e livrarias portuguesas no sentido de atenuar os efeitos provocados pela pandemia, permitindo estimular e fomentar as diversas atividades ligadas à cadeia do livro e, ao mesmo tempo, reforçar o acervo bibliográfico da Rede de Ensino de Português no Estrangeiro e da Rede de Centros Culturais, promovendo o conhecimento e a divulgação internacional dos nossos autores. As obras devem incidir nas áreas da Poesia, do Teatro, da Ficção, da Banda Desenhada, da Literatura Infantojuvenil ou no ensaio nas áreas das Artes e do Património Cultural.

     

    DESTINATÁRIOS: São elegíveis

    • As editoras que sejam pessoas coletivas dotadas de personalidade jurídica, com sede no território de Portugal, com atividade editorial ou livreira regular há pelo menos dois anos e cuja faturação no ano de 2019 tenha sido inferior a € 200.000,00;
    • As livrarias que sejam pessoas coletivas dotadas de personalidade jurídica, com sede no território de Portugal, com atividade editorial ou livreira regular há pelo menos dois anos, que destinem, pelo menos, metade do seu espaço comercial à venda de livros e tenham uma faturação em livros superior a 50% do seu volume anual de negócio e cuja faturação no ano de 2019 tenha sido inferior a € 300.000,00.

     

    Para as editoras ou livrarias que façam parte de grupos editoriais ou livreiros, a faturação considerada é a do grupo.

    Não são elegíveis as editoras e livrarias ligadas a instituições universitárias ou aos serviços e organismos da administração central e local ou do setor empresarial do Estado, bem como as editoras que se dedicam exclusivamente à auto-publicação.

     

    VALOR: Máximo de 5.000€ por editora ou livraria, num apoio total de 400.000€.

     

    MAIS INFORMAÇÃO: https://www.culturacovid19.gov.pt/eu-tenho-uma-estrutura/#editoras

  • Fundo de Apoio a Profissionais do Espetáculo e de Produção Musical - Audiogest

    A Associação de Gestão de Direitos de Produtores Fonográficos anunciou a criação de um fundo de apoio aos profissionais da área da produção musical e do espetáculo, no valor de 500 mil euros, proveniente do fundo cultural e social da Associação. Gerido em conjunto com a Gestão dos Direitos dos Artistas, o fundo juntar-se-á aos apoios anunciados por esta entidade, criando sinergias e a possibilidade de apoiar outras áreas performativas. O objetivo é garantir a subsistência dos profissionais do espetáculo, atingidos pela crise, e garantir, sobretudo, os postos de trabalho e a subsistência dos profissionais do setor.

     

    MAIS INFORMAÇÃO: http://audiogest.pt/noticias/audiogest-cria-fundo-de-apoio-a-profissionais-do-espetaculo-e-de-producao-musical-

  • Culture Fix

    Com a consciência de que as artes e a cultura são essenciais e imediatas no processo de recuperação da COVID-19, a Culture Fixe é uma plataforma online que reúne o conteúdo digital produzido pelas organizações culturais num único lugar. Permite que o público faça donativos, ao conteúdo que vê, se assim o desejar, sendo esta uma forma das organizações alcançarem novos públicos e criarem novas fontes de rendimento, a nível internacional.

     

    MAIS INFORMAÇÃO: https://culturefix.digital/about/

  • CAM – The COVID Art Museum

    O primeiro museu internacional criado durante a quarentena, derivada da situação de pandemia atual. Através da plataforma Instagram os artistas podem divulgar o seu trabalho a nível internacional, quer este tenha sido realizado em tempos pandémicos ou não, num projeto de partilha e criação artística global.

     

    MAIS INFORMAÇÃO: https://www.instagram.com/covidartmuseum/?hl=en

  • Global Open Call For Art – Amplifier

    Em resposta à COVID-19, a Amplifier está a lançar uma campanha de emergência com os principais curadores de arte e consultores de saúde pública de todo o mundo na procura de dois tipos de trabalho:

     

    • mensagens de saúde e segurança pública que possam ajudar a achatar a curva através da educação;
    • símbolos que ajudem a promover a saúde mental, o bem-estar e o trabalho de mudança social durante estes momentos de stress.

     

    Acreditando que a arte tem poder, pode curar, salvar vidas e unir-nos mesmo quando estamos separados, incentiva a criação de trabalhos que serão distribuídos em todo o mundo e inspirarão todos a permanecer fortes, seguros e unidos. Serão anunciadas 5 obras a cada semana, a partir da primeira semana de abril, sendo que as mesmas estarão a votação online na página web da Amplifier.

     

    VALOR: 1.000$ por artista, num limite máximo de 50 participantes.       

     

    MAIS INFORMAÇÃO: https://community.amplifier.org/campaign/global-open-call-for-art/?fbclid=IwAR1KR9RYcs7KwcAbEcv7BixbcWlAUHqwQ9rM-lGelsvqDlVNt7m-v-TgxKY

  • The Photographer Fund – Format

    Fundo de apoio a fotógrafos independentes que estejam a passar por dificuldades financeiras, devido à pandemia da COVID-19.

     

    VALOR: Limite máximo de 500$

     

    MAIS INFORMAÇÃO: https://www.format.com/photographer-fund

  • Movimento Portugal #Entra Em Cena - Ministério da Cultura

    Um movimento nacional pela cultura materializado em plataforma digital onde os artistas podem lançar ideias e de forma a obter remuneração para os seus projetos, durante a fase de pandemia da COVID-19, e as empresas, públicas e privadas, podem lançar desafios de forma a ter respostas concretas por parte dos artistas, investindo nos mesmos, numa perspetiva atual e futura.

     

    DESTINATÁRIOS:

    - Entidades públicas e privadas que procurem talento;

    -Artistas que queiram lançar ideias e apresentar propostas criativas de forma a verem o seu trabalho e criações remunerados;

    - Equipas técnicas envolvidas em projetos que podem obter remuneração para o trabalho em processo de realização.

     

    CANDIDATURAS: Projeto previsto até ao fim de 2021.

     

    VALOR: Não existe um valor preestabelecido.

     

    MAIS INFORMAÇÃO: https://www.portugalentraemcena.pt/ptemcena/

  • Gabinete de Orientação e Apoio ao Artista - Gestão dos Direitos do Artista

    Gabinete de apoio que permite que todos os artistas que viram a sua atividade profissional estagnada, devido às medidas de emergência para travar a propagação da COVID-19, esclareçam as suas dúvidas, assegurando o acesso rápido à informação mais relevante sobre as medidas de execução do Estado de Emergência e prestando os esclarecimentos necessários quanto às implicações dessas medidas na sua atividade profissional.

     

    Com o apoio de juristas e advogados, responsáveis pela preparação da informação jurídica disponibilizada e pelo esclarecimento das informações junto dos interessados, o Gabinete tem por missão apoiar os artistas portugueses, prestando informação, apoio e aconselhamento técnico.

     

    MAIS INFORMAÇÃO: https://www.gda.pt/pt/gda/goaa-perguntas-frequentes

  • Programa Cultura/Connecting Dots - Projetos de Programação Artística Multidisciplinar

    EEA Grants 2014-2021

     

    Concurso que visa o financiamento de projetos de programação artística multidisciplinar com o objetivo de reforçar a oferta artística, a participação e o acesso nas artes nos territórios de baixa densidade em Portugal Continental e nas Regiões Autónomas da Madeira e dos Açores. Destina-se a projetos que combinem atividades nas áreas da arquitetura, artes plásticas, artes de rua, circo contemporâneo, cruzamentos disciplinares, design, dança, fotografia, música, novos media e teatro, incluindo a criação de novas obras artísticas/produções, a programação de obras preexistentes/produções e ações específicas de desenvolvimento de públicos, envolvendo as comunidades locais e promovendo a participação ativa na criação e fruição das artes.

     

    DESTINATÁRIOS: podem candidatar-se quaisquer entidades privadas estabelecidas como pessoa coletiva em Portugal e com atividade predominantemente nas áreas artísticas em questão, podendo apresentar diversas candidaturas relativamente a diferentes projetos, sendo que apenas um pode ser selecionado.

     

    CANDIDATURAS: Até às 17h de 28 de outubro de 2020.

     

    VALOR: Apoio mínimo de 250.00€ e máximo de 400.000€, por projeto.

     

    MAIS INFORMAÇÃO: https://www.dgartes.gov.pt/pt/apoio/2621

  • Gabinete de Crise - Audiogest e Associação Fonográfica Portuguesa

    Gabinete que tem por objetivo dar apoio jurídico e técnico a agentes do setor cultural que se encontrem afetados pela situação de pandemia que paralisou a esmagadora maioria das atividades do setor, prestando informação, aconselhamento e apoio técnico a empresas e empresários, atendendo às medidas específicas para o setor cultural anunciadas pelo Governo. Dirige-se sobretudo a produtores musicais, de espetáculos, agentes e outros profissionais do setor.

     

    MAIS INFORMAÇÃO: https://gabinetedecrise.passmusica.pt/

  • Pacote de Apoio à Produção Independente Audiovisual - RTP

    Tendo em consideração os efeitos da conjuntura que vivemos na indústria audiovisual e sobretudo na produção independente, a RTP decidiu reforçar o seu papel e lançar um pacote de apoio com iniciativas de impacto imediato, para apoio aos agentes e profissionais do setor. Estas medidas representam um esforço adicional à prática de investimento acima das obrigações legais que a RTP tem vindo a realizar nos últimos anos e aplicam-se aos diversos formatos e género de produção independente: telefilmes, cinema, documentários, ficção, contemplando também as artes performativas, a dança, o teatro e a música.

     

    A RTP irá entrar em contacto com as associações representativas do setor e os produtores independentes, ainda que estas iniciativas possam vir a ser estendidas, dependendo da evolução do setor e da situação económica geral e da RTP.

     

    MAIS INFORMAÇÃO: https://www.culturacovid19.gov.pt/rtp-lanca-pacote-de-apoio-a-producao-independente-audiovisual/

  • Concursos de Apoio Fundação da Gestão dos Direitos dos Artistas

    Concursos de apoio nas áreas de Edição Fonográfica e Curtas-Metragens, disponibilizando ainda Bolsas de Qualificação e Especialização Artística.

     

    Prazos de candidatura e montante de financiamento variam consoante a área do concurso.

     

    MAIS INFORMAÇÃO: https://www.fundacaogda.pt/acao-cultural/concursos-de-apoio/

  • Apoios e Parcerias Fundação EDP

    A Fundação EDP desenvolve e apoia projetos nas áreas da Inovação Social, Cultura, Ciência e Educação, sendo os apoios feitos através de programas estruturados, no sentido de garantir rigor e transparência na escolha dos projetos a apoiar. Existem 3 programas distintos: Programa EDP Solidária, Programa de Estágios no Museu e Prémio Novos Artista Fundação EDP, apoiando este último a revelação de novos valores da criação artística nacionais, nos domínios das artes plásticas e visais.

     

    Por regra a Fundação EDP apoia apenas projetos que se insiram nos programas descritos, no entanto podem ser submetidas propostas fora destes programas através do site.

     

    MAIS INFORMAÇÃO: https://www.fundacaoedp.pt/pt/form/program-of-sponsorships

  • Projeto «Teia19»

    Um projeto que visa a divulgação e criação de espetáculos através da plataforma TEIA19 no Facebook, em tempo de cancelamentos, podendo ser pedido um donativo diretamente ao público, apelando-se à solidariedade deste para com os artistas e oferecendo-lhe algo único.

     

    MAIS INFORMAÇÃO: https://www.facebook.com/Teia19

  • Projeto 2519

    Iniciativa que promove a mobilização online para a celebração do 46º aniversário do 25 de abril a partir de casa, através da plataforma Facebook, homenageando todos aqueles que lutaram pela liberdade, através das artes. Propõe a partilha de material criativo desenvolvido durante o período de confinamento relacionado com a situação de pandemia, de forma a criar uma galeria virtual, divulgando o trabalho dos autores e facilitando o acesso do público à cultura numa altura em qua a organização de eventos presenciais não é permitida.

    Contudo, o tema é livre e não está limitado à temática do 25 de abril, sendo todo o trabalho criativo merecedor de partilha.

     

    MAIS INFORMAÇÃO: https://www.facebook.com/movimento2519